Uber Copter: de helicóptero ao centro de Nova Iorque por U$200
Créditos: Uber

Uber Copter: de helicóptero ao centro de Nova Iorque por U$200

Serviço oferece viagens de helicóptero na região através do aplicativo a partir desta terça-feira

A Uber começou a testar um serviço de transporte aéreo utilizando helicópteros nos Estados Unidos, a partir de agora será possível utilizar o aplicativo para voar com a empresa de Manhattan até o aeroporto internacional John F. Kennedy. O trajeto reverso também pode ser feito e o serviço está sendo chamado de Uber Copter. Apesar de disponível desde junho, antes só os membros premium podiam utilizá-lo.

10/09/2019 às 17:36
Notícia

Uber demite mais de 400 funcionários após prejuízo bilionário

Apesar disso, companhia decidiu voltar a contratar engenheiros de software e gerentes de produto

Apesar de interessante, é preciso desembolsar entre U$200 e U$225 (por pessoa) para viajar. Todo o deslocamento é coberto e inclui o transporte de carro até o local de decolagem. É permitido uma bagagem de mão e é necessário assistir a um vídeo de segurança semelhante ao que é exibido em alguns aviões antes de levantar voo. Mesmo com o nome da Uber, o transporte aéreo tem a empresa HeliFlite Shares por trás da operação e, segundo a agência de notícias Reuters, o valor da passagem não é muito diferente da dos concorrentes.

Também não é de qualquer região que o passageiro pode decolar, há apenas um heliporto e fica na região sul de Manhattan. Por enquanto, a Uber se limita a informar que tem sim planos para ampliar sua área de cobertura, mas não dá datas. Segundo a Reuters, um redator levou cerca de 70 minutos para fazer o trajeto, incluindo uma viagem para o centro e outras duas viagens de Uber. Com esse tempo, não seria muito diferente pegar um táxi, explica a notícia do portal.

Motoristas da Uber exploram falha
em GPS para aumentar valor de viagens

Para que tenha vantagem no investimento e o trecho seja percorrido rapidamente, por enquanto, o passeio de Uber Copter só estará disponível para uma região próxima do embarque. Segundo Eric Allison, chefe do programa aéreo da Uber, a zona será ampliada aos poucos, ele conta que esse é um produto premium e com certeza caro, mas que a empresa acredita que é possível oferecê-lo por um preço acessível.

O trecho de Manhattan até o aeroporto JFK é um dos mais movimentados do país, apesar de ter apenas 25km, uma viagem de carro pode durar facilmente cerca de duas horas. A Uber espera que a demanda pelo serviço aumente, sendo esse um início para o Uber Air, sua oferta de transporte com um veículo de decolagem e pouso vertical. Vale lembrar que outras empresas também estão trabalhando para chegar na frente nesta modalidade, algo que pode acontecer.

Fonte: Reuters, Uber Air

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.