Hall da Fama da Internet inclui brasileiro responsável por rede nacional de pesquisa
Créditos: Folha

Hall da Fama da Internet inclui brasileiro responsável por rede nacional de pesquisa

Michael Stanton é o único brasileiro entre os indicados pro Hall em 2019

O Hall da Fama da Internet anunciou os nomes de onze pioneiros e visionários que fizeram contribuições globais da Internet, entre eles o brasileiro Michael Stanton. Todos os indicados ao Hall foram homenageados em uma cerimônia especial na capital da Costa Rica por "ajudar a moldar a Internet atual, expandindo seu alcance para novas regiões e comunidades, abrindo caminho para uma maior compreensão do funcionamento da Internet e ampliando a segurança para aumentar a confiança do usuário na rede".

04/07/2019 às 11:27
Notícia

Projeto da Google "Seja Incrível Na Internet" agora ensina cr...

Programa conscientiza através de jogos e atividades, ensinando conduta responsável na internet

Michael Stanton foi reconhecido por suas contribuições em trazer a Internet ao Brasil e por sua participação no projeto e implantação de redes ópticas escaláveis na América do Sul e em suas conexões intercontinentais aos Estados Unidos, África e Europa. O homenageado também ajudou o governo brasileiro a construir a primeira rede nacional de pesquisa do país depois de ter iniciado uma conversa nacional sobre a necessidade disso, coordenando a criação.

Michael Stanton foi diretor do departamento de informática da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC/Rio) em 1987, e convocou pesquisadores brasileiros de computação, ciência e engenharia, funcionários do governo e do provedor estatal de telecomunicações para discutir a construção de uma única rede nacional de pesquisa com acesso ao mundo exterior. Em 1989 o governo apoiou esta iniciativa, lançando projeto para construir a Rede Nacional de Pesquisa, ou RNP (agora a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa). E foi em 1990 que Stanton ingressou na equipe de coordenação responsável por trazer a internet para o Brasil em 1992.

A Internet no Brasil começou em 1992 com a RNP, que continua a expandir e melhorar sua oferta de serviços de rede e informações para a comunidade nacional de pesquisa e educação, e estou muito feliz por ter sido incluído no Hall da Fama por minhas contribuições a este coletivo de realização", afirma Michael.

21/08/2019 às 16:51
Notícia

Equipe de cientistas cria primeira rede de internet quântica ...

Pesquisadores usaram protocolo completamente inédito para possibilitar a inovação

Como diretor de inovação em 2002, Stanton chefiou a equipe que promove o desenvolvimento de novos serviços de aplicativos e tornou-se ativo no projeto e desenvolvimento de novas redes, tanto para a RNP no Brasil quanto para os parceiros internacionais da RNP, especialmente interconectando redes acadêmicas na América Latina com as dos EUA, e recentemente, com da Europa e da África.

Outros indicados de 2019 fazem parte dos países: Japão, Estados Unidos, África, Holanda e Peru.

Continua após a publicidade
User img

Mariela Cancelier

Jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), fui estagiária do Adrenaline/Mundo Conectado entre 2015 e 2017. Gosto de jogos de luta (o que marcou minha infância foi Tekken 4) e MOBAs. Atualmente sou colaboradora de ambos sites e apareço de vez em quando em alguns vídeos e reviews dos canais.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.