Huawei Vision TV usa a tecnologia artificial para ser o centro de casas inteligentes
Créditos: Reprodução/Tech Radar

Huawei Vision TV usa a tecnologia artificial para ser o centro de casas inteligentes

A fabricante chinesa afirma que o novo dispositivo é mais do que uma simples forma de assistir filmes e séries

Durante o evento centrado no anúncio do smartphone Mate 30 Pro, a Huawei também apresentou a Vision, sua nova smart TV que promete ser o centro de uma casa inteligente. Segundo a fabricante chinesa, o dispositivo é uma “tela muito maior para seu smartphone” que aposta na inteligência artificial para realizar uma série de funções.

O CEO Richard Yu afirma que assistir televisão é somente um dos recursos oferecidos pela Huawei Vision. O aparelho usa uma tecnologia chamada “AI-Eye”, que traz soluções de reconhecimento facial e pode distinguir pessoas pelas características das juntas de seus ossos. O sistema funciona junto à solução “AI Kids”, que promete reconhecer “afinações de voz e corpo” dos usuários.

Fonte da imagem - Reprodução/Android Pit

Além de permitir a realização de vídeo-chamadas, o produto pode controlar dispositivos inteligentes baseados na tecnologia HiLink e servir como uma extensão de seu smartphone. A Huawei promete recursos de compartilhamento de telas para aumentar a produtividade, que serão conhecidos oficialmente como “One-Hop Projection”.

Quatro opções de tela

A Huawei Vision TV chega inicialmente ao mercado chinês em duas opções de tamanho: 65 e 75 polegadas. Para o futuro, a fabricante já promete que também vai introduzir modelos com displays de 55 e 85 polegadas. Todas elas possuem suporte a 100% da gama de cores NTSC, resolução 4K e taxas de atualização que chegam aos 120 Hz.

Fonte da imagem - Reprodução/Android Pit

Em matéria de som, a televisão traz oito saídas, um subwoofer e um refletor, bem como suporte ao padrão 5.1 com um modelor de som inteligente. Para completar, o produto acompanha um controle-remoto com touchpad e conectividade Bluetooth 5.0 que promete oferecer 3 meses de uso com uma única carga de sua bateria.

O dispositivo será baseado no HarmonyOS e só teve sua chegada confirmada para o mercado chinês, mas um lançamento internacional não está completamente descartado. Até o momento, a empresa não especificou qual vai ser o preço oficial que pretende cobrar por cada variação do produto.
 

Fonte: Android Pit
User img

Felipe Gugelmin

MAVLab leva o prêmio de US$1 milhão na primeira temporada do Drone Racing League

MAVLab leva o prêmio de US$1 milhão na primeira temporada do Drone Racing League

Essa foi a primeira temporada da corrida de drones pilotadas apenas com Inteligência Artificial


SoC Kirin 1020 da Huawei terá um desempenho 50% melhor que do Kirin 990 [Rumor]

SoC Kirin 1020 da Huawei terá um desempenho 50% melhor que do Kirin 990 [Rumor]

Novo chip pode vir com núcleos ARM Cortex-A78.


Mesmo com problemas, Huawei vai chegar perto da Samsung na vendas de celulares

Mesmo com problemas, Huawei vai chegar perto da Samsung na vendas de celulares

Companhia chinesa permanece em segundo lugar no mercado de smartphones


Xiaomi vende mais Smart TVs que LG, Sony e Samsung na Índia

Xiaomi vende mais Smart TVs que LG, Sony e Samsung na Índia

Empresa tem 33% do mercado e segue fazendo investimentos


Vazamento no twitter aponta que o Huawei P40 Lite é, na verdade, o Nova 6 SE

Vazamento no twitter aponta que o Huawei P40 Lite é, na verdade, o Nova 6 SE

O P40 Lite poderá ser lançado sem os serviços da Google, se o embargo se manter