NASA vai revelar imagens da sonda indiana que tentou pousar na Lua
Créditos: HANDOUT / AFP

NASA vai revelar imagens da sonda indiana que tentou pousar na Lua

O veículo tinha o objetivo de explorar uma região desconhecida do satélite

Recentemente, pesquisadores espaciais da Índia tentaram pousar sua sonda Chandrayaan-2 na Lua, mas perderam contato com o veículo pouco antes do seu pouso desastrado. Agora, a NASA quer ajudar a estudar o que pode ter dado errado e disse que revelará imagens do local da queda. A agência espacial norte-americana utilizará uma câmera de reconhecimento lunar, conhecida por Lunar Reconnaissance Orbiter (LRO).

A Índia foi o primeiro e único país a colocar uma sonda ao redor de Marte na primeira tentativa, por isso muitos acreditavam que a aterrissagem aconteceria sem problemas. Esse é o momento mais crítico ao levar um robô ao espaço, sua chegada requer muita precisão e qualquer erro de cálculo pode causar a perda de um investimento milionário, como aconteceu.

Robô espacial chinês descobre
substância estranha na Lua

Caso fosse possível chegar no local, seria o primeiro robô a fazer grandes explorações no polo lunar sul, que tem acesso dificultado para naves. A região conta com depósitos de gelo, é uma área que o Sol nunca consegue iluminar. A Nasa está se planejando para explorar a região para construir uma base como ponto estratégico para Marte. Derretendo o gelo, estuda-se a possibilidade de poder utilizar a água gerada para beber, também pode ser útil para produzir combustível e desempenhar outras funções importantes em uma futura base lunar.

A agência espacial norte-americana também tem planos para levar seus astronautas a Marte mas, para isso, existe um longo caminho a ser percorrido. Temos visto diversos esforços em preparar nossa viagem ao planeta em um futuro nem tão distante. Recentemente, ela anunciou um novo supercomputador e outros preparativos para a missão Artemis, que pretende levar uma tripulação ao polo sul do satélite da terra até 2024.

Continua após a publicidade

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.