Telescópio Hubble faz nova fotografia surpreendente de Saturno
Créditos: HubbleSite/Reprodução

Telescópio Hubble faz nova fotografia surpreendente de Saturno

Estudo da imagem mostra que o planeta está com a atmosfera instável e com tempestades

O telescópio Hubble fotografou o planeta Saturno no período em que se aproxima da Terra, permitindo uma imagem com muitos detalhes. A foto, que está em destaque como chamada nesta notícia, foi compartilhada pela Nasa no site do telescópio mais poderoso atualmente. Ela e outras podem ser acessadas neste endereço.

Segundo a Nasa, além de bonitas, as novas fotografias também são reveladoras, mostram como a atmosfera do planeta é dinâmica e turbulenta. Com as fotos deste ano é possível notar que uma tempestade gigante visível em 2018 no polo norte desapareceu. E outras tempestades, descritas como pipocas estourando em um microondas, surgiram e desapareceram rapidamente também.

Cientistas encontram água em
planeta potencialmente habitável

É possível perceber através das imagens capturadas que até mesmo a estrutura em faixas do planeta acaba tendo mudanças sutis na cor com o passar do tempo.

Mas a agência espacial norte-americana diz que algo não mudou, uma outra tempestade no polo norte do planeta ainda está lá, essa com um formato misterioso hexagonal. Ela foi descoberta em 1981 pela sonda espacial Voyager 1 da Nasa. Um detalhe interessante, a imagem mostra que o anel de Saturno está inclinado na direção da Terra, o que permite uma observação da parte de cima do anel majestoso do segundo maior planeta do nosso sistema solar. Abaixo, o post da Nasa comentando fotos tiradas 10 anos atrás.

A Nasa ressalta que uma imagem com tal qualidade só foi observada antes em capturas feitas de perto por um de seus robôs espaciais enviados para estudar o planeta. Os estudos continuam para tentar identificar padrões, mudanças climáticas e outras alterações que possam acontecer por lá.

Continua após a publicidade

Recentes pesquisas revelam que o anel característico de Saturno provavelmente desaparecerá completamente daqui a 300 milhões de anos. Isso acontecerá de forma gradativa e em 100 milhões de anos parte significativa já desaparecerá. O material ao redor do planeta está caindo como chuva. Enquanto Saturno está fora de cogitação para ser nosso novo lar, o homem fica cada vez mais perto de habitar Marte.

Fonte: HubbleSite/NASA, Nasa
User img

Neri Neto

O universo geek faz parte do dia a dia, da vida, deste jornalista. Formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, Neri Neto é responsável por conteúdos diversos no Mundo Conectado. Ele adora tecnologia, cinema, games e descobriu ainda na infância que a linguagem dos vídeos seria perfeita para falar de tudo que ama. Neri também fala bastante em terceira pessoa, gosta de descontrair e está sempre nas redes sociais.

DICA: Veja como formatar o WINDOWS 10 sem PEN DRIVE [FÁCIL]

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.