Cientistas da primeira foto de buraco negro recebem prêmio de US$ 3 milhões

Cientistas da primeira foto de buraco negro recebem prêmio de US$ 3 milhões

Time com 347 cientistas vence premiação Breakthrough Prize, o "Oscar da ciência"

A equipe Event Horizon Telescope Collaboration, responsável por capturar a primeira foto de um buraco negro, recebeu o prêmio de 3 milhões de dólares durante a premiação Breakthrough Prize 2020. Todos os 347 cientistas da equipe receberam uma parte do prêmio, resumindo US$ 8,6 mil (R$ 35 mil) para cada um deles. O Breakthrough Prize é considerado como o "Oscar da Ciência", e os US$ 3 milhões equivalem a aproximadamente R$ 12 milhões na cotação atual.

12/08/2019 às 18:32
Notícia

Um buraco negro do tamanho do nosso sistema solar acaba de se...

O corpo celeste tem 40 bilhões de vezes a massa do nosso sol

Breakthrough Prize é uma série de prêmios pelo trabalho científico, e conta com três prêmios individuais de US$ 3 milhões cada um: Fundamental Physics Prize Breakthrough Prize in Life Sciences e Breakthrough Prize in Mathematics O dinheiro das premiações vem de investidores que contribuem com o Breakthrough Prize, normalmente grandes nomes do Vale do Silício como Mark Zuckerberg, presidente do Facebook, e o co-fundador da Google, Sergey Brin. Nesse ano, os prêmios somaram US$ 21.6 milhões.

Os vencedores da premiação serão homenageados em uma cerimônia da NASA no dia 3 de novembro. O evento será transmitido na íntegra pelo canal National Geographic e acontece na NASA Ames Research Center em Mountain View, na California.

A primeira foto tirada de um buraco negro foi publicada no dia 10 de abril de 2019. O projeto que tornou isso possível foi liderado pela cientista Katie Bouman e levou três anos para ser desenvolvido, com muitas pesquisas e aprimoramento. A imagem foi capturada com auxílio do telescópio Event Horizon, que faz parte de um projeto internacional que se descreve como um "telescópio virtual do tamanho da Terra". A imagem foi gerada unificando dados registrados por uma rede de oito radiotelescópios espalhados pelo mundo. 

Apesar dos 347 cientistas envolvidos, Katie Bouman é a principal cientista do projeto. Ela é a desenvolvedora do algoritmo que conseguiu capturar a foto do buraco negro.

Confira nesta notícia do Mundo Conectado como foi tirada a primeira foto do buraco negro. Você também pode conferir abaixo o vídeo do ESO (Observatório Europeu) um vídeo que demonstra a localização do buraco negro:

Via: Cnet
User img

Mariela Cancelier

Jornalista pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), fui estagiária do Adrenaline/Mundo Conectado entre 2015 e 2017. Gosto de jogos de luta (o que marcou minha infância foi Tekken 4) e MOBAs. Atualmente sou colaboradora de ambos sites e apareço de vez em quando em alguns vídeos e reviews dos canais.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.