Huawei anuncia o Kirin 990 e o Kirin 990 5G com modem integrado
Créditos: Reprodução/Phone Arena

Huawei anuncia o Kirin 990 e o Kirin 990 5G com modem integrado

Os novos SoC promete uma melhor conectividade e desempenho que o Snapdragon 855

A Huawei aproveitou sua participação na IFA 2019 para revelar os primeiros detalhes oficiais do Kirin 990, seu hardware mobile que deve equipar sua próxima linha de dispositivos de alto desempenho. Além do esperado incremento de poder e consumo energético, o hardware chamou a atenção por, em uma de suas variações, oferecer o primeiro modem 5G integrado da categoria.

Nessa geração, a fabricante decidiu dividir sua estratégia em dois produtos: um voltado para mercados nos quais o 4G ainda impera e outro para aqueles já adaptados à tecnologia 5G. Na prática, ambos têm configurações semelhantes de núcleos, suportes a câmeras, memórias e armazenamento. No entanto, o modelo 5G promete entregar um desempenho maior para quem estiver disposto a pagar por isso.

Kirin 990

  • Núcleos de processamento: 2xCortex-A76 a 2.86 GHz, 2xCortex-A76 a 2.09 GHz e 4xCortex-A55 a 1.86GHz
  • GPU: Mali-G76 MP16 (16 núcleos) a 600 MHz
  • NPU: 1 + 1 Da Vinci
  • Modem: 4G
  • DRAM: LPDDR4-4266 + LLC
  • Transistores: aproximadamente 8 bilhões

Kirin 990 (5G)

  • Núcleos de processamento: 2xCortex-A76 a 2.86 GHz, 2xCortex-A76 a 2.26 GHz e 4xCortex-A55 a 1.95GHz
  • GPU: Mali-G76 MP16 (16 núcleos) a 700 MHz
  • NPU: 2 + 1 Da Vinci
  • Modem: Balong 5G
  • DRAM: LPDDR4-4266 + LLC
  • Transistores: aproximadamente 10,3 bilhões

Kirin 990 com 5G integrado

Enquanto a versão 4G do novo SoC (System on Chip) é sem dúvida interessante, é o modelo 5G que mais chama a atenção pela maneira como é fabricado. Enquanto as soluções 5G disponíveis no mercado geralmente acoplam um chip 4G convencional a um 5G adicional, o hardware da Huawei é o primeiro a fazer a união das tecnologias em um único silício — o resultado é uma maior eficiência na conectividade, que vem acompanhada de um design mais complexo.

Para tornar isso possível, a empresa está usando o processo de fabricação 7+ com EUV da TSMC, resultando em um chip com suporte a redes sub-6 GHz nos sistemas SA e NSA. Conforme mostram suas especificações, a versão 5G também vem acompanhada por algumas vantagens de desempenho, que devem ajudar o valor “Premium” que certamente vai acompanhar os modelos com o hardware.

Embora muitos esperassem que a Huawei fosse adotar os novos núcleos A77, ela preferiu continuar com o modelo A76, que teve seu sistema de cache modificado para diminuir a latência da memória. A companhia explicou ao AnandTech que sua experiência permitiu aumentar a frequência de operação dos núcleos e que seus testes mostraram que a eficiência energética do A76 e do A77 eram praticamente idênticas.

Superando o Snapdragon 855

11/08/2019 às 11:06
Notícia

Huawei Mate 30 e Mate 30 Pro podem ser lançados em 19 de sete...

Rumor indica que novos celulares high-end da Huawei chegam no mês que vem na Europa

Em sua apresentação, a fabricante fez questão de enfatizar o quanto o Kirin 990 5G é superior ao Snapdragon 855, um de seus principais concorrentes. Segundo ela, o desempenho de núcleo único é 10% maior, sendo que o multi-core é 9% superior. A companhia promete um salto de 6% no processamento gráfico e de 20% no consumo energético em comparação.

Os novos SoC da empresa devem fazer sua estreia no Huawei Mate 30, que será apresentado oficialmente no dia 19 de setembro, em um evento realizado na cidade de Munique. Enquanto sua disponibilidade em 2019 ainda deve ser um tanto limitada, em 2020 devemos testemunhar o lançamento de diversos gadgets equipados com o novo hardware.
 

Via: Phone Arena, AnandTech Fonte: Huawei
User img

Felipe Gugelmin

Caixa do Xiaomi Mi Note 10 aparece em imagem vazada

Caixa do Xiaomi Mi Note 10 aparece em imagem vazada

Vazamentos também indicam um outro smartphone com câmera de 108MP


Xiaomi já vendeu mais de 100 milhões de celulares da linha Redmi Note

Xiaomi já vendeu mais de 100 milhões de celulares da linha Redmi Note

Sucesso da marca Redmi promete ser ainda maior com a chegada do Redmi Note 8


Samsung registra patente de tela com notch reverso

Samsung registra patente de tela com notch reverso

Design é mais uma tentativa de conseguir uma tela maior


Google Pixel 4 e 4 XL não tem a opção de armazenamento ilimitado no Google Fotos

Google Pixel 4 e 4 XL não tem a opção de armazenamento ilimitado no Google Fotos

Os dispositivos Pixel tinham três anos grátis para fotos em tamanho original


OnePlus 7 e 7 Pro recebem atualização OxygenOS 10.0.1 baseada no Android 10

OnePlus 7 e 7 Pro recebem atualização OxygenOS 10.0.1 baseada no Android 10

Lançamento da atualização tinha sido interrompido por problemas de bugs