YouTube é multado em U$150 milhões por coletar dados pessoais de crianças

YouTube é multado em U$150 milhões por coletar dados pessoais de crianças

Plataforma também teria burlado uma lei específica de proteção à privacidade online de crianças

O YouTube foi multado em um valor que vai de U$150 e U$200 milhões por ter coletado dados de crianças menores de 13 anos sem a permissão de seus pais. A multa é resultado de uma investigação que começou no ano passado, quando pais pediram à Comissão Federal do Comércio dos Estados Unidos (FTC) para checar se a plataforma tinha esse direito.

Apenas o valor aproximado foi revelado, a quantia exata da multa pode ser divulgada na próxima semana, segundo o Bloomberg.

Além disso, a FTC concluiu que uma lei específica foi burlada, a de Proteção à Privacidade Online para Crianças (COPPA). Ela inclui a proibição da utilização de dados do público infantil para a segmentação de anúncios. Isso pode complicar um pouco as coisas. Parte do sucesso financeiro do YouTube se deve ao seu planejamento na exibição segmentada de anúncios, graças ao grande banco de dados do buscador e também da própria plataforma.

YouTube Kids ganha site próprio
e promete dar mais controle aos pais

A venda de anúncios em vídeos tem gerado uma boa grana para a Alphabet, dona do YouTube e também da Google. A plataforma de streaming é a segunda maior fonte de lucro. Além disso, a empresa de pesquisa Loup Ventures estima que 5%, ou aproximadamente U$ 750 milhões por ano da receita anual do YouTube, provêm de conteúdo destinado a crianças.

A notícia da multa chega poucos dias depois da chegada de um site próprio para o YouTube Kids, que já estava disponível em forma de aplicativo na Google Store. No site, é possível que os pais escolham que tipo de conteúdo seus filhos poderão assistir, inclusive segmentando pela idade. Essa pode ser uma maneira de aliviar as acusações sobre a exposição a conteúdos destinados a adultos na plataforma.

Enquanto isso, o YouTube tenta diversificar seu conteúdo com produções próprias ao estilo Netflix.

Fonte: Bloomberg

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.

YouTube começa a testar o Shorts, novo rival do TikTok

YouTube começa a testar o Shorts, novo rival do TikTok

A novidade começou a chegar para alguns usuários do aplicativo


Veja como fazer animais em 3D com Realidade Aumentada do Google [+VIDEO]

Veja como fazer animais em 3D com Realidade Aumentada do Google [+VIDEO]

Novo recurso chega para celulares e tablets


Animal 3D: o Google transforma sua casa em um zoológico virtual

Animal 3D: o Google transforma sua casa em um zoológico virtual

Use seu celular pra ver animais 3D em realidade aumentada dentro da sua casa


Google cancela brincadeiras de 1º de abril por causa da pandemia de Coronavírus

Google cancela brincadeiras de 1º de abril por causa da pandemia de Coronavírus

Empresa pediu para que seus gerentes garantam que nenhuma seja divulgada na internet


Google decide usar IA para criar chips de IA mais rápido que os humanos

Google decide usar IA para criar chips de IA mais rápido que os humanos

Sistema deverá encontrar solução mais rápida para produzir chips mais eficientes