Empresa de drones Bell demonstra primeiros voos de sua aeronave autônoma
Créditos: Bell/Divulgação

Empresa de drones Bell demonstra primeiros voos de sua aeronave autônoma

Quadricóptero é capaz de levar até 30kg por viagem e pode ser utilizado em diversas situações

A empresa Bell Flight, especializada em aviação, concluiu com sucesso as etapas de teste do Autonomous Pod Transport nomeado de (APT 70). O quadricóptero é capaz de carregar cerca de 31kg, é autônomo e faz parte da família de veículos aéreos com decolagem vertical da companhia, eVTOL (electronic vertical take-off and landing, em inglês).

Além de ser capaz de transportar cargas pesadas para o seu tamanho, pode transportá-las a uma velocidade máxima de 160km/h. Com certeza, ver a APT 70 voar pode chamar a atenção de muito gente. Levantar voo com um drone como este requer um tipo de licença diferenciada. A empresa disse que vai começar testes para um certificado especial que pode ser emitido pela FAA (Federal Aviation Administration). Os testes recentes foram feitos próximos da sede da Bell, em Fort Worth, no Texas.

A APT é uma aeronave pronta para diferentes situações, ela pode ser utilizada para a entrega simples de pacotes e também para entrega de transporte médico crítico, como descrevem seus desenvolvedores. Além disso, sua assistência pode ser útil em cenários de desastres. Scott Drennan, vice-presidente de inovação, acredita que essa capacidade de adaptação a diferentes cenários mudará a maneira como sistemas aéreos não tripulados serão utilizados comercialmente no futuro.

A Bell é uma empresa de renome e trabalha com outros grandes nomes para entregar aeronaves de ponta. Recentemente, a companhia fez uma parceria com uma gigante japonesa de logística, a Yamato, e marcou demonstrações de voo com o APT 70 em acordo com a NASA para 2020.

Fonte: Bell

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.