Milhares de conversas da Siri foram analisadas sem consentimento prévio
Créditos: Divulgação/ Apple

Milhares de conversas da Siri foram analisadas sem consentimento prévio

Terceirizados da Apple escutavam até mil conversas por dia; a empresa suspendeu o monitoramento

Faz quase um mês que a Apple suspendeu as parcerias com terceirizados que escutavam conversas da Siri sem autorização para melhorar o serviço. E parece que a quantidade de gravações armazenadas era considerável; de acordo com uma recente reportagem do The Irish Examiner, funcionários eram encarregados de escutar até mil conversas diariamente.

21/08/2019 às 10:23
Notícia

A Apple pode trazer carregamento rápido com padrão USB-C na c...

O iPhone 11 pode ser o primeiro smartphone da empresa com suporte a carregamento rápido

Cada interação com a assistente pessoal era transcrita e avaliada com base na qualidade do serviço, e se houve algum problema no software, como ativações acidentais. "Eram apenas alguns segundos e ocasionalmente ouvíamos pequenas informações pessoais", afirmou um dos encarregados, que não se identificou. 

O funcionário, que teve seu contrato terminado abruptamente, informou que o foco das análises eram em conversas em inglês. "Eu entendia o porquê da empresa estar fazendo esse monitoramento, mas compreendo que muitos vejam como uma quebra de privacidade, já que não foram informados", confessou o responsável.

A Globotech, firma responsável pelos contratos, foi informada de que os serviços prestados seriam interrompidos imediatamente logo depois que a prática foi revelada pelo The Guardian no mês passado. Mas, a firma não informou quantos funcionários realizavam o monitoramento, e a Apple não disse quanto tempo irá manter as conversas armazenadas.

No começo do mês, em resposta aos questionamentos e reportagens do The Guardian, a assessoria da Apple informou: " Nós estamos comprometidos em entregar uma ótima experiência com a Siri, enquanto protegemos a privacidade do usuário. Durante o tempo em que conduzimos uma avaliação, nós vamos suspender o monitoramento da Siri mundialmente. Além disso, como parte da atualização do software no futuro, consumidores terão a opção de escolher participar desses monitoramentos".

19/08/2019 às 15:27
Notícia

Especialistas em segurança alertam contra novo esquema de phi...

Golpistas miram em pessoas que acabaram de alterar sua senha para e-mail parecer mais realista

A empresa também informou ao The Guardian que as conversas dos usuários não são associadas aos seus IDs da Apple, e a análise é conduzida em espaços seguros, em que os funcionários se comprometem a proteger o conteúdo das gravações. "Fomos obrigados a assinar um acordo de não divulgação, e não podíamos dizer que trabalhávamos para a Apple", acrescentou o ex-encarregado.

Via: WccFTech Fonte: The Irish Examiner
User img

Tadeu Mattos

Exploit no iOS 13 permite ver os contatos do iPhone mesmo com o aparelho bloqueado

Exploit no iOS 13 permite ver os contatos do iPhone mesmo com o aparelho bloqueado

Nova versão do sistema só chega no dia 19 de setembro e já encontraram falhas


iPhone 11 Pro aparece no Geekbench com apenas 4GB de RAM

iPhone 11 Pro aparece no Geekbench com apenas 4GB de RAM

Especificação coloca novo modelo da Apple bem atrás dos novos modelos Android


Opinião: o iPhone 11 é o fim da Apple como inovadora nos smartphones

Opinião: o iPhone 11 é o fim da Apple como inovadora nos smartphones

Novidades já estavam presentes no Android, e empresa ficou devendo apresentar algo novo


WhatsApp Beta versão 2.19.91.3 para iOS já está disponível para os testadores

WhatsApp Beta versão 2.19.91.3 para iOS já está disponível para os testadores

Novas funções incluem possibilidade de reproduzir áudios na barra de notificações e dark mode


iPhones 11 Pro e Pro Max são anunciados com câmera tripla, hardware poderoso e mais bateria

iPhones 11 Pro e Pro Max são anunciados com câmera tripla, hardware poderoso e mais bateria

Aparelho é focado em produtores de conteúdo e entusiastas de tecnologia