Equipe de cientistas cria primeira rede de internet quântica do mundo
Créditos: James JD Sutton/Medium

Equipe de cientistas cria primeira rede de internet quântica do mundo

Pesquisadores usaram protocolo completamente inédito para possibilitar a inovação

A primeira rede de internet quântica foi criada por uma equipe de cientistas do laboratório QuTech da Universidade Técnica de Delft, na Holanda. Para possibilitar essa inovação, eles também tiveram que criar o primeiro protocolo quântico de internet da história da humanidade.

17/08/2019 às 09:44
Notícia

Mancha vermelha de Júpiter é um furacão de centenas de anos, ...

Imensa mancha do tamanho da Terra apareceu com grande destaque em foto recente

A rede de internet quântica utiliza a mesma premissa básica da computação tradicional. Ainda assim, ela opera de uma maneira bastante diferente. Por causa das diferenças existentes entre a computação clássica e a quântica, a equipe do QuTech desenvolveu um novo stack de redes quânticas. Esse é o primeiro protocolo de camadas de link do mundo.

Vale lembrar que, hoje, os protocolos de internet clássicos utilizam uma série de camadas de software. Elas são chamadas de pilha de rede e permitem que diferentes dispositivos se comuniquem entre si. Um exemplo disso é o Protocolo de Transferência de Hipertexto (Hypertext Transfer Protocol ou HTTP), que é a base para a comunicação na Web.


Fonte: QuTech

"Todos nós usamos protocolos clássicos de camadas de links em nossa vida cotidiana. Um exemplo disso é o Wi-Fi, que permite usar um sinal de rádio não confiável e que sofre com interrupções e interferências para transmitir dados de maneira confiável entre dispositivos compatíveis".
Professora Stephanie Wehner, cientista da equipe de pesquisa da QuTech

Como uma rede quântica de internet usa bits quânticos (também conhecidos como qubits), foi necessário desenvolver um novo protocolo de rede. Afinal, os bits quânticos não são capazes de reter as informações de maneira tão confiável. Com esse novo protocolo, os cientistas dizem ter conseguido superar as barreiras que o desenvolvimento de software quântico estava enfrentando até agora.

"Atualmente, os qubits não podem ser mantidos em memória por muito tempo Isso significa que as decisões de controle sobre o que fazer com eles precisam ser tomadas muito rapidamente. AO criar esse protocolo de camadas de links, nós superamos os obstáculos apresentados por uma física muito exigente".
Professora Stephanie Wehner, cientista da equipe de pesquisa da QuTech

Via: QuTech, Tweak Town
User img

Carlos Felipe

Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou parao PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.

Robô Spot da Boston Dynamics não é tão assustador quanto parece

Robô Spot da Boston Dynamics não é tão assustador quanto parece

Inspiração para episódio de Black Mirror, máquina se sai mal em testes no mundo real


Morre Larry Tesler, o criador do

Morre Larry Tesler, o criador do "Ctrl+C" "Ctrl+V"

Cientista da computação viveu até os 74 anos e já trabalhou na Apple


Samsung vai fabricar chips de 5G de nova geração da Qualcomm em 5nm

Samsung vai fabricar chips de 5G de nova geração da Qualcomm em 5nm

Com o nome de Snapdragon X60, novo modem deverá ter parte da produção feita pela TSMC


Tesla no Brasil? Ministro estaria negociando fábrica

Tesla no Brasil? Ministro estaria negociando fábrica

Vinda da empresa para cá coincidiria com lei que beneficia veículos elétricos no país


Google Station, programa que disponibiliza Wi-Fi grátis ao redor do mundo, será encerrado

Google Station, programa que disponibiliza Wi-Fi grátis ao redor do mundo, será encerrado

No Brasil, o serviço havia chegado em 2019 nos estados de São Paulo e Ceará