Youtube pode acabar com anúncios direcionados no seu conteúdo infantil em breve
Créditos: Justdial

Youtube pode acabar com anúncios direcionados no seu conteúdo infantil em breve

O impacto potencial da decisão pode chegar na casa dos US$50 milhões

O Youtube pode acabar com os anúncios direcionados que aparecem em conteúdos de público majoritariamente infantil em breve. A informação vem de fontes da Bloomberg que dizer estar "próximas das discussões" e, segundo elas, essa possível decisão ainda pode mudar.

Anúncios direcionados ou comportamentais são aqueles que aparecem a partir da coleta de dados do usuário, como cookies de navegação e outros. A  Lei de Privacidade Online Infantil (sigla COPPA em inglês) proíbe que eles sejam exibidos para crianças menores de 13 anos sem autorização dos pais. A Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos (FTC) está investigando se o Youtube violou a lei de privacidade, e a agência já chegou a um acordo com a empresa, apesar de não sabermos os termos definidos. Não está claro se a exclusão dos anúncios é uma consequência direta desse acordo.

30/07/2019 às 10:07
Notícia

YouTubers europeus estão se sindicalizando para reivindicar m...

Um grupo de criadores de conteúdos formaram o FairTube em conjunto com a IG Metall

Até então, o Youtube vende dois tipos de anúncio - um que emparelha o contexto do vídeo com um comercial, e outro que usa uma matriz de sinais digitais. Ou seja, as empresas interessadas podem alcançar nichos de público com base nos dados do Google. Além disso, faz tempo que o Youtube diz que seu site principal não é apropriado para crianças. Ele incentiva que esse seja utilizado o aplicativo Youtube Kids, que não tem anúncios direcionados. 

De acordo com a empresa de pesquisa Loup Ventures, a estimativa de receita absorvida pelo Youtube através de conteúdo infantil está entre US$500 milhões e US$750 milhões. O analista Doug Clinton acredita que o impacto potencial do banimento dos anúncios chegue a 10% da participação geral nesse segmento de conteúdo, o que representa cerca de US$50 milhões. Outra questão pendente é como o Youtube vai definir o que são ou não vídeos "direcionados para crianças".

Até o momento, o Youtube e a FTC não comentaram sobre o assunto oficialmente.

Fonte: Bloomberg
Usuário do Google Earth encontra sem querer corpo de desaparecido há mais de 20 anos

Usuário do Google Earth encontra sem querer corpo de desaparecido há mais de 20 anos

A imagem de um carro submerso num lago da Flórida resolveu um mistério de 1997


Telegram zoa Whatsapp por anunciar novo limite de 100MB para anexos

Telegram zoa Whatsapp por anunciar novo limite de 100MB para anexos

Concorrente permite arquivos de até 1.5GB


YouTuber é preso por tentar invadir Área 51 com amigo

YouTuber é preso por tentar invadir Área 51 com amigo

Ties Granzier é holandês e tem um canal no YouTube que leva o seu primeiro nome


Site vietnamita revela detalhes do Pixel 4 XL, com tela QuadHD e sem leitor de digitais

Site vietnamita revela detalhes do Pixel 4 XL, com tela QuadHD e sem leitor de digitais

Entre as diversas caractéristicas do aparelho, chama a atenção seu display de 90 Hz e diversos sensores para reconhecimento facial


Casal australiano é preso no Irã após voo ilegal com drone

Casal australiano é preso no Irã após voo ilegal com drone

Blogueiros filmavam viagem da Austrália a Londres quando foram presos