Compramos um iPhone fake e tivemos uma surpresa

Compramos um iPhone fake e tivemos uma surpresa

Era fake do fake...

Nós compramos um iPhone fake no marketplace chinês AliExpress. E é claro que sabíamos o que estávamos fazendo, a ideia era criar um vídeo mostrando o celular esteticamente parecido com o iPhone original e também alertar as pessoas sem muito conhecimento sobre compras online e o risco de comprar sem prestar atenção.

O problema é que o iPhone fake não se parece em nada com o original. Não é possível enganar ninguém com o design desse que recebemos, nem de longe. Nós descobrimos uma camada de enrolação.

Existem réplicas boas do iPhone no marketplace chinês, mas é preciso ter sorte na compra

 

E isso até pode parecer óbvio, mas existem boas réplicas no mercado para quem quer fingir ter um smartphone caro e famoso.

Foi curioso descobrir que mesmo aquela pessoa interessada em enganar outras pessoas pode não conseguir isso no mercado chinês. Abaixo compartilhamos especificações e outros detalhes sobre sobre o produto.


Comprando o iPhone Fake

Na página de venda a imagem é igual a do produto original, nós miramos no iPhone 12 Pro Max e acreditamos que poderíamos receber algo próximo disso. Mas passou longe.

A caixa do celular já mostra o alto padrão de qualidade, vem escrito "Smart Phone", separado assim mesmo e com o logo do sistema operacional Android pouco acima.

E sobram diferenças em relação a versão original. As bordas do celular fake são arredondadas, as do original chatas, o conjunto de câmeras é pequeno, já as do original se destacam em tamanho.

Não fomos presenteados nem mesmo com o logo da maça, e há um motivo para isso (comento adiante).

Abrimos uma reclamação sincera e direta, a AliExpress respondeu em poucos dias e conseguimos parte do dinheiro de volta

 

Como ele não serve nem mesmo como réplica, abrimos uma reclamação para obter o dinheiro de volta. A política da AliExpress pede que você descreva o problema com provas (fotos) e em poucos dias o problema é analisado.

No total, pagamos US$80 pelo "Smart Phone" e nos foi oferecido somente parte do valor da compra para resolver o problema envolvendo o golpe. Isso sem a necessidade de enviarmos o produto de volta.

A AliExpress disse que poderia devolver apenas US$50, nós aceitamos, e o celular ficou aqui na redação ao lado do iPhone 12 Pro Max original.

Outra opção, a de reembolso completo, era enviar o produto de volta para a China, mas daí os custos de envio seriam por nossa conta. Achamos melhor mantê-lo por aqui.

Possivelmente pelo número de reclamações, a loja que vendia o fake do fake acabou sendo derrubada, mas a AliExpress mantém ainda as lojas que vendem réplicas. É claro, estas sem o nome Apple e também sem o logo da empresa na traseira dos dispositivos por questões legais.

Segue abaixo a nossa defesa: "Comprei porque nas fotos do anuncio mostra um modelo, mas quando ele chegou é diferente das fotos do anúncio. Sei que não se trata de um iPhone, mas as fotos mostram que um produto semelhante, e o modelo que recebi é bem bem diferente, em nenhum momento aparenta ser um iPhone." - Fábio Feyh.

 

Abaixo, um exemplo de anúncio de iPhone fake, que aparece apenas como i12 Pro Max.

 


Direitos autorais na China

Para evitar problemas com direitos autorais, este tipo de produto é anunciado sem o nome da empresa do produto original. Por exemplo: iPhone 12 Pro Max, Galaxy S21 Ultra. Ou ainda: i12 pro max.

01/11/2021 às 18:01
Vídeo

Abrimos o iPhone Fake e descobrimos o que ele escondia

Nos deparamos com um processador de baixíssimo desempenho e um conjunto fajuto de câmeras

Isso porque a China permite produtos com nomes iguais no mercado e preserva o nome da empresa. Então o anúncio não menciona a Apple e mantém apenas o nome do produto.

Pelo mesmo motivo, as réplicas mais fieis vendidas lá fora não trazem o logo da maça na traseira. A nossa trazia uma imagens oficiais.


Desempenho e especificações

Daqui pra frente é pura curiosidade. Você até pode indicar esse tipo de celular para alguém, mas nós não recomendamos.

Você pode ver algumas das especificações listadas no aplicativo Aida64 dentro do "Smart Phone", mas é importante encarar com bastante ceticismo, já que ele não tem tela de 7.2 polegadas e nem tampouco a bateria que diz ter.

Eu sei que algumas pessoas farão o cálculo e perceber que é possível comprar um celular por US$30 (R$150), mas você vai ver aqui que ele não é melhor que nada.


iPhone Fake vs iPhone Original

Não sei se você consegue distinguir a diferença entre a foto feita pelo original e pelo falso, mas você pode tentar olhando com atenção as imagens abaixo. Poucas pessoas são capazes de perceber a qual é qual.

Procurei alguns jogos na PlayStore para tentar instalar, dos mais relevantes eu consegui achar apenas COD Mobile e Free Fire.

Se os jogos rodaram? A regra é clara! Abriu tá rodando. E ambos abriram.

É possível jogar os dois na qualidade mais baixa, e Free Fire mostrou por que é um dos jogos mais jogados do mundo. Até mesmo nessa réplica mal feita foi possível jogar de maneira estável.


Todos os prós e contras abaixo são em comparação ao modelo original Apple iPhone 12 Pro Max.



Prós

  • Carregador na caixa
  • Fone de ouvido na caixa
  • Tela 4K (fake)
  • Android
  • Micro USB
  • Rádio FM
  • Menor preço do mercado

Contras

  • Não serve para o seu único fim: ser uma réplica
User img

Neri Neto

O universo geek faz parte do dia a dia, da vida, deste jornalista. Formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, Neri Neto é responsável por conteúdos diversos no Mundo Conectado. Ele adora tecnologia, cinema, games e descobriu ainda na infância que a linguagem dos vídeos seria perfeita para falar de tudo que ama.

Meta e o Metaverso: os planos de Zuckerberg para o futuro das redes sociais

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.