9 curiosidades sobre Elon Musk

9 curiosidades sobre Elon Musk

Bilionário tem seis filhos, idealizou a SpaceX quando estava no Brasil e é cheio de excentricidades

Elon Musk, além de ser um dos mais ricos do mundo e ter influência gigante na economia global, é uma personalidade simplesmente bizarra. De tempos em tempos ele tuíta algo polêmico ou que acaba sacudindo a bolsa de valores ou o mercado de criptomoedas.

E gostando ou não de quem ele é, sua relevância internacional torna quase obrigação sabermos o impacto de suas empresas no futuro da humanidade. 

Ele é dono da SpaceX, por exemplo, que quer levar o homem a Marte nas próximas décadas. Da Tesla Motors, que quer popularizar carros elétricos. E até da Neuralink, que quer estudar o cérebro humano e implantar um chip em nossa cabeça para nos ajudar em tarefas e curar doenças.

E para quem busca saber mais sobre a vida desta personalidade, separamos aqui uma lista de curiosidades.


1. É fã de quadrinhos

Elon Musk é fã de quadrinhos, o que refletiu em algumas escolhas curiosas e importantes de sua vida. Um exemplo disso foi a criação da empresa X.com em 1999, banco online que daria origem ao PayPal.

Qualquer um que conhece os X-Mens dos quadrinhos ou do cinema consegue reconhecer o logo em "X" no cartão da empresa abaixo.

Continua após a publicidade

Podemos dizer que temos "fortes inspirações" nos quadrinhos da Marvel. E para você que pode estar achando mera coincidência, podemos confirmar que isto não foi obra do acaso graças ao bilionário.

Ele acabou confirmando que basicamente copiou o design do logo dos mutantes da Marvel. E vai além, um tempo atrás, um seguidor dele fez um tuíte mostrando esse cartão e Elon respondeu dizendo: “Olha… eu tenho até um filho que se chama Xavier em homenagem ao Professor Xavier.”

E pra quem já conhece a SpaceX, a agência espacial de Musk, pode se perguntar por um instante qual seria o significado do "X" no nome da empresa. Mas ao menos o nome da empresa não tem relação com a Marvel, vem de Space Exploration.

Mas a relação afetiva de Musk com o X é ainda mais profunda. Em 2017, ele veio a público compartilhar a compra do domínio "X.com", que estava sob responsabilidade do PayPal.

E depois da compra veio a público dizendo o seguinte: “Obrigado ao Paypal por me permitir comprar o domínio 'X.com' de volta! Sem planos para ele no momento, mas tem um grande valor sentimental pra mim.”

Só por curiosidade, o site "X.com" atualmente só apresenta um X quando você tenta acessar o endereço.

Continua após a publicidade

E sobre a compra do domínio, o valor pago não deve ter sido nada baixo. Apesar de não ter sido divulgado, podemos ter uma ideia pela compra do domínio "Z.com", que foi vendido por U$6.8 milhões na mesma época.


2. Foi casado com Grimes

Algo que temos que concordar sobre Elon Musk é que ele não é alguém muito normal. Suas ideias de futuro para a humanidade são completamente fora da caixa. Não é todo mundo que pensa em implantar chips em humanos, voar a Marte, criar um substituto para o avião e por aí vai.

E tem ainda relatos de que ele também não é lá uma pessoa muito fácil de lidar. Este retrato de Musk exige uma parceria que também se destaque por ser diferente.

Elon Musk e Grimes se separaram em outubro de 2021 após três anos juntos

 

Esse é um ponto que parece explicar sua união passageira com Grimes, uma cantora excêntrica que na verdade se chama Claire Elise Boucher.

E sobre o relacionamento, ele durou pouco mais três anos e terminou recentemente. Para falar a verdade, quando comecei a escrever este artigo ainda estavam juntos.


3.Tem um filho chamado X AE A-12

O casamento entre a cantora Grimes e Elon Musk teve como resultado um menino, batizado de X AE A-12. Sim, o nome do garoto não é nada comum e chamou atenção até mesmo de quem não conhecia o casal.

Mas por que esse nome? E mais, como se pronuncia? O pai da criança veio responder esta grande dúvida durante um programa do podcaster Joe Rogan, e a explicação é a mais aleatória possível.

Segundo ele, Grimes foi a principal pessoa responsável pelo nome curioso. Explicou que o "X" é pronunciado sozinho em inglês, o símbolo formado por "A" e "E" se pronuncia "ésh" ou "ash" e o final é a junção da letra "A" com o número doze. Desta forma, a pronúncia correta é "Éx Ash Ei Twelve". 

Ainda sobre o nome, o símbolo Æ, “ash”, aparece em algumas línguas, incluindo Dinamarquês e norueguês.

Além disso, falou que sua real contribuição para essa verdadeira frase é o "A-12", que tem relação com aviação. O A-12 remete a Archangel 12, um caça precursor do SR-71, que tinha um visual realmente interessante.

E um bônus sobre o filho dele! Ele nasceu em May the 4th, que é considerado o dia não oficial de Star Wars por conta do trocadilho "May de Fourth" e "May the Force Be With You".


4.Tem seis filhos

E pra quem tem dificuldade de achar tempo para ver a família e organizar sua vida profissional, imagine ter seis filhos e empresas que prometem mudar o mundo.

São cinco filhos com a primeira esposa Justine Musk e o Ash com Grimes. 

Os filhos do primeiro casamento são: os trí-gêmeos Kai, Saxon e Damian Musk e ainda Griffin e Xavier Musk.

E o tempo parece ter grande impacto nos relacionamentos de Musk. Sobre o término com a cantora Grimes, o bilionário contou ao site PageSix que precisa estar presente no Texas com frequência para cuidar das empresas, enquanto Grimes trabalha majoritariamente em Los Angeles.

Segundo a notícia, dada com exclusividade, ambos estão juntos focados apenas na criação da criança.


5.Criou um jogo aos 12 anos

A curiosidade número cinco mostra que Elon é um cara diferenciado. Afinal, quantas pessoas você conhece que criou um jogo com apenas 12 anos?

Em 1971, Musk criou o game Blastar, seguindo sua temática favorita: naves espaciais. Em Blastar você controla uma nave espacial que atira em outras naves inimigas.

E por mais bobo que isso pareça, o game rendeu uma boa grana, foi vendido à revista PC and Office Technology por US$500.

Até pouco tempo, o jogo estava disponível online em através de um site, mas ele saiu do ar.


6.Não é o fundador da Tesla

Para a grande maioria das pessoas, Elon Musk é inquestionavelmente o fundador da Tesla Motors. Mas a verdade é que não foi responsável pelo início da empresa.

A Tesla Motors, na verdade, foi fundada por Marc Tarpenning e Martin Eberhard no início dos anos 2000. Os dois tiveram a ideia inicial, procuraram investidores, descobriram o que era necessário para fazer o negócio andar.

Eberhard era apaixonado por carros esportivos e queria um que fosse rápido e elétrico. Ou seja, a Tesla surgiu principalmente da paixão de Eberhard por carros esportivos e do fato de ele ser um grande empreendedor na época. Ele foi o cocriador do primeiro e-book reader, leitor de livros digitais ao estilo Kindle.

E pra gente ter uma ideia da participação de Elon Musk, ele foi o somente o quarto CEO da empresa. Foi só em 2008 que ele assumiu o cargo.

Ainda assim, foi um dos poucos investidores na época a acreditar que carros elétricos teriam popularidade no futuro.

Elon Musk foi um dos poucos a parar pra escutar pessoas que queriam dinheiro como investimento pra criar uma empresa de carros elétricos.

Então investiu uma boa grana na empresa, ganhou espaço, e é (sem dúvida) o principal nome quando citamos a Tesla atualmente.

E sobre esta história de  título de fundador, a verdade é que uma briga judicial se arrastou por anos para definir quem de fato pode ser considerado o fundador.

E para resumir, Elon Musk e Martin Eberhard trocaram ofensas nos anos iniciais da empresa, Eberhard deixou a fabricante de carros elétricos e os milionários não se acertaram por um bom tempo.

Depois de muito papo na justiça, foi acordado que cinco pessoas seriam consideradas fundadoras mesmo que Eberhard e Tarpenning tenham tido a ideia inicial.

Dessa forma, perante a lei, são entendidos como fundadores da Tesla Motors: Martin Eberhard, Marc Tarpenning, Ian Wright, Elon Musk e JB Straubel.


7. Idealizou SpaceX em Florianópolis

A próxima curiosidade é bacana para quem é brasileiro, e ainda mais pra quem mora na cidade de Florianópolis.

Porque foi na ilha da Magia, em Floripa, que o bilionário teve a brilhante ideia de investir em foguetes, em criar a SpaceX.

Musk contou que discutiu a ideia em Florianópolis em um bate papo com Peter Diamandis, fundador da Xprize.

Ver Elon Musk pronunciando Florianópolis já seria curioso, mas ver ele comentar sobre a ideia foi ainda mais interessante.

Ele conta no vídeo acima que seu colega Peter Diamandis estava tentando convencer ele a não investir em foguetes. Isso no início dos anos 2000.

O amigo queria que Musk investisse na empresa dele, mas investir em foguetes pareceu uma ideia melhor.


8.Fumou maconha ao vivo

A curiosidade número 8 mostra a influência desta personalidade.

Tudo que ele faz ou fala tem um desdobramento imediato nas ações das empresas pelas quais é responsável.

E foi no podcast de Joe Rogan (de novo) que ele fumou maconha ao vivo. Isso fez com que este fosse o episódio mais assistido do canal no YouTube.

O que não imaginava era que esta tragada sairia cara para seus investimentos. O custo foi de ao menos 5 milhões de dólares.

E sem que nenhuma lei fosse quebrada, já que a maconha é liberada para uso recreativo na Califórnia, onde estava.

Acontece que essa fumada desencadeou uma série de desdobramentos complicados.

Primeiro que depois disso a Nasa tirou 5 milhões de dólares dos cofres públicos para averiguar se a SpaceX seguia regras rígidas no ambiente de trabalho.

De acordo com o site Politico, a empresa pediu essa análise de ambiente de trabalho logo na sequência justamente por causa da tragada.

E apesar de parecer simples, esta análise envolve uma série de treinamentos e adequações exigentes.

E depois disso, o próprio Musk disse estar arrependido de ter experimentado cannabis na frente de milhões de pessoas e teve que se explicar internamente na empresa, lançou uma nota interna:

"Os funcionários da SpaceX não podem possuir ou usar qualquer substância controlada enquanto estiverem em ambiente de trabalho, e também não podem estar sob a influência legal ou ilegal de drogas durante a função. Qualquer um que parecer estar embriagado ou sob a influência de drogas na empresa será submetido a um teste e, potencialmente, a outras ações empregatícias".

Sobre o cigarro, durante o programa, ele falou que “não fuma maconha quase nunca e que não acha muito bom para a produtividade. É como o contrário de uma xícara de café”, explicou.

E tudo isso foi suficiente para fazer ações, ao menos da Tesla, caírem em 6%. Sem contar que, no mesmo dia, dois executivos de alto escalação da empresa anunciaram sua saída. Coincidência?


9. Faz parte do UCM

Elon Musk faz parte do universo cinematográfico Marvel. A prova disso é que ele aparece em um dos filmes do próprio Homem de Ferro. Interpretando ele mesmo.

Fora isso, o cara realmente curte aparecer no audiovisual, já teve partipações em The Big Bang Theory, Why Him, Saturday Night LiveMachete Kills, Simpsons e até South Park.

User img

Neri Neto

O universo geek faz parte do dia a dia, da vida, deste jornalista. Formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, Neri Neto é responsável por conteúdos diversos no Mundo Conectado. Ele adora tecnologia, cinema, games e descobriu ainda na infância que a linguagem dos vídeos seria perfeita para falar de tudo que ama.

Compramos um iPhone Fake e tivemos uma surpresa

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.