Confira dicas para proteger as crianças na internet durante a quarentena
Créditos: maisti | midiatividades | freepptbackgrounds

Confira dicas para proteger as crianças na internet durante a quarentena

Com tudo fechado, inclusive escolas, é natural que grande parte dos jovens passe mais tempo conectado

Nessa quarentena, sem escolas funcionando pelo país inteiro, é natural que as crianças, adolescentes (e todo mundo) passem mais tempo que o normal na internet - afinal, nela temos várias possibilidades para nos distrairmos e conversar com nossos amigos à distância. No entanto, já estamos cansados de saber como ficar conectado pode ser arriscado, e é muito importante manter a preocupação tanto com a nossa segurança quando com a dos filhos, irmãos, primos, etc. Nesse sentindo, a Google compilou algumas dicas para proteger jovens na internet, auxiliando principalmente os pais a educar e monitorar a rotina online dos seus filhos. vamos vê-las abaixo:


Cuidado ao compartilhar informações

Na era das fake news, essa é uma das dicas mais importantes para qualquer pessoa - seja criança, jovem, adulto ou idoso. Sempre checar fontes e informações são algumas coisas básicas, mas é interessante que haja regras sobre o que é ou não adequado compartilhar, com foco na segurança dos dados pessoais, de amigos e familiares.


Nem tudo é o que parece na internet

24/03/2020 às 18:08
Artigo

Phishing em tempos de Coronavírus - Como se proteger dos golpes

A doença está sendo usada como desculpa para roubar dados de diversos usuários

Outro fato bastante "batido" é que muitas pessoas e situações nem sempre são de fato o que parecem e apresentam online. Saber identificar o que é real ou falso é fundamental para a segurança, já que vários casos podem terminar em golpes contra o usuário. Dessa forma, conversar abertamente com os filhos sobre os tipos de ataque na internet, assim como sobre a desinformação em geral, é bastante válido.

Aqui no Mundo Conectado, por exemplo, temos alguns artigos explicando o que é o Phishing e como se proteger desse tipo de ataque.


Fortifique suas senhas

Continua após a publicidade

Como já foi dito no início desse artigo, a segurança e a privacidade online são tão importantes na vida real - e sim, existem mesmo na internet. A maneira mais básica de proteger suas informações é pensando bem nas suas senhas. Algumas dicas são:

Senhas simples são fáceis de lembrar, mas também mais suscetíveis a serem descobertas

- Crie senhas complexas, não coisas como "1234" ou seu nome;
- Utilize letras maiúsculas, minúsculas e números intercalados;
- Não repita suas senhas em plataformas diferentes.

Outra forma bastante incentivada de fortalecer suas senhas é utilizar a autenticação de dois fatores. Com ela,  você acrescenta uma "camada de segurança a mais" no processo de login: a primeira, normalmente, é a sua senha, enquanto a segunda pode ser um SMS ou código enviado por e-mail (as opções são diversas dependendo da plataforma). 

O vídeo abaixo mostra como ativar a autenticação de dois fatores no Facebook, por exemplo:


Internet não é terra sem lei

De acordo com uma pesquisa sobre segurança on-line da Google, as principais preocupações dos pais em relação aos filhos na Internet são o acesso a conteúdos inadequados (55%) e , em segundo lugar, o cyberbullying (14%). Sobre o segundo citado, é comum ficar aflito até certo ponto, já que muitas pessoas acreditam que a internet é uma "terra sem lei", onde podem exercer sua "liberdade de expressão" do modo que convir. 

19/12/2019 às 11:09
Notícia

Pesquisa mostra que 2019 foi o pior ano em falhas de segurança

Número de vulnerabilidades em sistemas cresceu 33% em relação a 2018

Continua após a publicidade

No entanto, a chamada responsabilidade pelos atos na internet é tão valida quanto no mundo físico. Um indivíduo pode ser processado por  injúria, calúnia e difamação na internet a partir do momento que  provoca um dano moral, ofendendo a honra de outros em redes sociais através de comentários ou outras manifestações.

Desse modo, é sempre importante instruir e educar os jovens a usar as redes disponíveis respeitando diferenças, enfrentar comportamentos como bullying e assédio (das maneiras corretas), e não ignorar pessoas que estejam sendo vítimas de algo desse tipo.


Youtube Kids

Por fim, uma plataforma bastante controlada para crianças menores de 13 anos é o Youtube Kids. Nela, os pequenos podem assistir conteúdos apropriados para a sua idade e os pais podem personalizar essa experiência. É possível determinando limites de tempo de tela, bloquear vídeos ou canais, além de restringir o recurso de pesquisa. O próprio Youtube tem uma política de segurança mais rígida na sua divisão infantil.

Você pode acessar o Youtube Kids por este link. 


Seja Incrível na Internet

E, para deixar uma última dica, a Google tem um programa chamado Seja Incrível na Internet, voltado a ajudar pais e educadores a auxiliarem os jovens na sua experiência com segurança online e cidadania digital. Nele, existem atividades, ferramentas, guias e até jogos para instruir as pessoas como lidar com essas preocupações da melhor forma possível.

Essa não é uma publicação patrocinada!

 


Esquecemos algo?

Caso você conheça outros programas como o da Google, ou tenha outras dicas de segurança online, não deixe de comentar nessa publicação ou mandar sua sugestão no report de erro! 

User img

Saori Almeida

Saori Almeida é natural do Rio Grande do Sul, técnica em administração formada pelo Centro Tecnológico de Caxias do Sul (CETEC) e estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Gosta da cultura asiática e nerd no geral e tem interesse crescente por tecnologia e games desde pequena - gosto que se intensifica diariamente na redação.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.

Canon sofre ataque do ransomware Maze e 10TB de dados podem ter sido roubados

Canon sofre ataque do ransomware Maze e 10TB de dados podem ter sido roubados

Empresas como LG e Xerox já foram vítimas deste ransomware no passado


Instagram anuncia Reels para 50 países; recurso deverá competir com TikTok

Instagram anuncia Reels para 50 países; recurso deverá competir com TikTok

Atualmente, TikTok corre risco de ser banido dos EUA


O gerenciados LastPass está adicionando novidades para a ferramenta

O gerenciados LastPass está adicionando novidades para a ferramenta

Empresa está trazendo painel de segurança e novo monitoramento de dark web


Xiaomi Mi TV Stick - confira as especificações e o que ele faz

Xiaomi Mi TV Stick - confira as especificações e o que ele faz

Dispositivo transforma qualquer monitor ou TV comum em uma Android TV


Google introduz recurso de segurança Safe Folder no app Files para Android

Google introduz recurso de segurança Safe Folder no app Files para Android

Este recurso está disponível atualmente em fase de testes